"A mente que se abre a uma nova ideia jamais voltara ao seu tamanho original." Albert Einstein

quinta-feira, 31 de março de 2011

Sobre vazio e outras coisas...



GEnte, que coisa masi triste eh o vazio, pelo amor de Deus, uma pagina em branco, apesar de ser algo bonito porque simboliza a chance de escrever a sua historia, olhe pra uma folha por  minutos sem a minima vontade de escrever nada.. jah se tornou a imagem mais deprimente do universo aquela folha sem nada escrito... A vida tambem eh assim... As vezes acontecem aquelas reviravoltas e a gente pensa, "nossa, oportunidade pra fazer tudo novo, pra mudar tudo e ter resultados diferentes" mas e ai o qeu acontece, simplesmente nada sai do lugar, voce nao se sente motivado, nao faz nada e ai parece que o que era ruim esta ainda pior, calma, como toda imagem deprimente eh soh dar um pouco de cor que tudo volta a vida... Os vazios da nossa vida precisam ser preenchidos sempre, pena que muitas vezes procuramos preenche-los com as coisas erradas, ou digamos, inapropriadas... Nao eh a toa que dizem qeu cabeca vazia eh oficina do diabo, quando sentimos um vazio no nosso peito, procuramos de tudo e como todo desesperado eh presa facil de pensamentos ruins e ideias de destruicao, lah vai mais uma vida pro saco por causa do vazio... Nao espere os outros preencherem o seu vazio, faca algo por voce mesmo, o maior erro do ser humano e esperar que seus amigos, sua familia e seus amores preencham um vazio que eh soh seu... A vida esta ai, nao deixemos a nossa pagina vazia, quando nao temos o que escrever pesquisamos, buscamos inspiracao em algo que gostamos, lemos textos de outras pessoas pra despertar em nos algo a escrever, porque nao fazer isso tbm quando nos encontramos sem rumo, sem nocao do que fazer de nossas vidas, toda pagina vazia eh oportunidade para comecar, entao se voce esta sem saber o que fazer, se informe, procure opcoes, nao fique parado diante da folha esperando que do nada a caneta comece a se mover...

sábado, 26 de março de 2011

REality shows... Existe vida alem deles... NAO SE DEIXEM ENGANAR!!

Video: Reportagem da Renata Rocha para o site www.portalsatc.com

Gente, estava eu aqui sem muito assunto hoje, pensando sobre o que postar, ai fui dar uma olhadinha no site que a Re, minha aluna e amiga, trabalha pra dar uma olhada nas coisas qeu ela tem escrito e tals, ai acabei me deparando com esse video que veio muito a calhar, ja que o BBB esta chegando ao seu final, GRACAS A DEUS... Perdoem-me aqueles que gostam de assistir ao programa e que fique bem claro queeu nao tenho nada contra o gosto de voces, nem ao menos quero desrespeitar ninguem nem me julgar melhor do que as pessoas que assistem esses tipos de programa de TV, mas para mim, dar audiencia as emissoras de TV que exibem essa programacao, enquanto os programas educativos e que agregam qualquer tipo de conhecimento e valor andam por ai, recebendo pouco patrocinio e pouca atencao e um vergonha para o nosso pais... Eu sei que cada um tem seus vicios e cada pessoa tem o direito de assistir o que bem entender, contudo eu tambem tenho o direito de expressar minha indignacao quanto ao que a televisao brasileira veicula, e mais ainda quanto ao que as pessoas procuram saber sobre... Nao sei nem nomear a indignacao que eu sinto quando vejo que os assuntos que realmente hamam a atencao das pessoas sao coisas pequenas e insignificantes como a roupa ou a falta de roupa de algum integrante da casa, quem ficou ou nao ficou com quem, quantos palavroes foram ditos e depois as pessoas estavam se abracando e principalmente o quanto as criancas aprendem sobre pilantragem e falta de vergonha nesse tipo de programa... Podem me chamar de nerd, de extremista, de fanatica, mas me doi saber que tem gente que paga assinatura de Pay=per-view de BBB e se custa a fazer uma doacao para um hospital ou asilo, me doi saber que as pessoas nao tem paciencia para ler um livro ou passar um tempinho brincando com o filho ou contando uma historia antes dele dormir mas perde 1 ou duas ou sei la quantas preciosas horas do seu dia assistindo as "celebridades", celebridade o que? Como diz a musica do D2 "artista que nao faz arte"... Pra mim reality show bom seira reality show que mostrasse a realidademesmo, conscientizasse as pessoas da destruicao pela qualo mundo esta passando enquanto a maioria da populacao perde o seu tempo com a discussao que deu no BBB.. E eu nao quero ser hipocrita, nao, varias vezes ja assisti ao BBB, varias vezes me senti tentada a ver o que tava acontecendo quando a minha Timeline do twitter era bombardeada de gente comentando o programa, para ver a lavagem cerebral e a jogada de marketing que eh o programa.. O ser humano eh curioso por natureza e vive se questionando sobre varias questoes, adora romance e exatamente o que os reality shows, de modo geral "proporcionam"... Nao se deixe contaminar pelo bombardeio da midia... Valorize programas de TV que agregam alguma coisa a sua personalidade... 

Que DEus tenha misericordia do nosso pais e do nosso mundo se as pessoas admiradas da atualidade continuem sendo os HEROIS DO BBB, como disse o VErissmo na sua cronica.. ESSA EH A MORTE DA NOSSA CULTURA!!

Espero que o Pai continue olhando para essa terra como Ele olhava nos tempos de Sodoma e Gomorra em que dizia: Se houver um justo se quer nessa terra eu a pouparei da destruicao... E, novamente repito, meu intuito nao e falar mal de ninguem, nem julgar como certo e errado, essas sao as minhas ideias e a minha indignacao, mas ninguem eh menos pra mim porque assiste BBB, A fazenda ou qualquer outra coisa do genero... 

sexta-feira, 25 de março de 2011

Cronicas de MArtha Medeiros

Poosso falar? Amooooo as cronicas da Martha Medeiros... Comecei a ler as cronicas dela quando morava no RS, todos os domingos que tinha zero hora em algum lugar eu corria pra ultima pagina do caderno Donna pra ler o que a MArtha tinha escrito praquele dia. Quando estava na oitava serie, minha maior alegria eram as aulas de portugues na segunda feira porque tinhamos a hora da cronica e liamos varias... E nao querendo ser pretenciosa, gosto do jeit que ela escreve porque meio qeu pensamos igual em varios pontos.. eu digo qu nao quero ser pretenciosa, mas to sempreme identificando com os autores, eu sei, mas e porque eu realmente leio e penso, nossa e exatamente assimq eu esta na minha cabeca.. Quem sabe quando eu crescer eu possa ser como ela e escrever cronicas assim... Enquanto nao possuo o talento fico me deliciando com o livro que estou lendo e que ja me instigou a fazer uma colecao de livros dela... Escolhi especialmente a cronica a seguir porque acho importante darmos valor as pequenas coisas, se aprendermos a cobrar menos da vida e aproveitar mais o prazer das pequenas coisas. Se cada pessoa do mundo desfrutasse masi da alegrias que a simplicidade tem a oferecer, nao teriamos tantas pessoas deprimidas e frustradas sempre procurando coisas que estao fora do seu alcance e comparando sua vida com as doso outros que julgam ser melhores... Vamos procurar pelo menos um significado para cada dia, pois e muito triste apenas existir, passar pela vida e deixar os dias se irem inuteis...


Antes do Dia Partir... 
Martha Medeiros
O que valeu a pena hoje?
Sempre tem alguma coisa. Um telefonema. Um filme...
Paulo Mendes Campos, em uma de suas crônicas reunidas no livro "O Amor Acaba", diz que devemos nos empenhar em não deixar o dia partir inutilmente.
Eu tenho, há anos, isso como lema.
É pieguice, mas antes de dormir, quando o dia que passou está dando o prefixo e saindo do ar, eu penso: o que valeu a pena hoje? Sempre tem alguma coisa.
Uma proposta de trabalho. Um telefonema. Um filme. Um corte de cabelo que deu certo.
Até uma briga pode ter sido útil, caso tenha iluminado o que andava escuro dentro da gente.
Já para algumas pessoas, ganhar o dia é ganhar mesmo:
ganhar um aumento, ganhar na loteria, ganhar um pedido de casamento, ganhar uma licitação, ganhar uma partida.
Mas para quem valoriza apenas as megavitórias, sobram centenas de outros dias em que, aparentemente, nada acontece, e geralmente são essas pessoas que vivem dizendo que a vida não é boa, e seguem cultivando sua angústia existencial com carinho e uísque, mesmo já tendo seu superapartamento, sua bela esposa, seu carro do ano e um salário aditivado.
Nas últimas semanas, meus dias foram salvos por detalhes.
Uma segunda-feira valeu por um programa de rádio que fez um tributo aos Beatles e que me arrepiou, me transportou para uma época legal da vida, me fez querer dividir aquele momento com pessoas que são importantes pra mim.
Na terça, meu dia não foi em vão porque uma pessoa que amo muito recebeu um diagnóstico positivo de uma doença que poderia ser mais séria.
Na quarta, o dia foi ganho porque o aluno de uma escola me pediu para tirar uma foto com ele.
Na quinta, uma amiga que eu não via há meses ligou me convidando para almoçar.
Na sexta, o dia não partiu inutilmente, só por causa de um cachorro-quente.
E assim correm os dias, presenteando a gente com uma música, um crepúsculo, um instante especial que acaba compensando 24 horas banais.
Claro que tem dias que não servem pra nada, dias em que ninguém nos surpreende, o trabalho não rende e as horas se arrastam melancólicas, sem falar naqueles dias em que tudo dá errado:
batemos o carro, perdemos um cliente e o encontro da noite é desmarcado.
Pois estou pra dizer que até a tristeza pode tornar um dia especial, só que não ficaremos sabendo disso na hora, e sim lá adiante, naquele lugar chamado futuro, onde tudo se justifica.
É muita condescendência com o cotidiano, eu sei, mas não deixar o dia de hoje partir inutilmente é o único meio de a gente aguardar com entusiasmo o dia de amanhã...

quinta-feira, 24 de março de 2011

Aconselhar ou não aconselhar, eis a questão!

"Existirá alguém tão esperto que aprenda pela experiência dos outros?"
(Voltaire)

Sempre tentei aprender com os outros e ingenuamente pensei que devemos passar tudo o que sabemos para frente.. Existem coisas que aprendemos e que não servem pra mais ninguém.. Ou servem, mas no momento apenas qeu as pessoas passarem pelo que passamos, muitas vezes o nosso orgulho não nos deixa ouvir o que as pessoas tem a dizer... Na verdade todos nós fazemos isso o tempo todo.. É difícil ouvir coisas com as quais não concordamos e que nos machucam, mas mais cedo ou mais tarde aprendemos os motivos pelos quais elas são ditas e às vezes a razão delas é apenas nos mostrar que não detemos a verdade dentro de nós e que não temos o controle sobre a vida... Já me disseram que cada pessoa tem de passar pelas coisas sozinhos e ninguém têm responsabilidade sobre isso, mas as pessoas são teimosas e acham que devem interferir nas experiências alheias.. A experiência nos mostra que que se conselho fosse bom não se dava se vendia, mas se nós realmente confiamos nas pessoas nós aceitamos os seus conselhos, até porque conselhos não são ordens e podemos simplesmente ouví-los retirar o que tem de bom e ignorar o resto...

quarta-feira, 23 de março de 2011

Video da DAi... NOSTALGIA


Entao, sempre amei esses videos que a gente faz com fotos, musica e texto e a Dai ja fez dois da nossa turma.. Ainda nao havia postado aqui sobre a formatura e a emocao unica daquele dia que ficara para sempre na minha memoria, bem como todos os colegas que conviveram comigo por quem eu tenho um carinho imenso.. Nesse video, a Dai utilizou partes do meu discurso, palavras dela e fotos de todos, alem de duas das musicas que tocaram quando pegamos nossos diplomas... Obrigada, soulsister, e obrigada a todos os que fizeram parte desse momento da minha vida... #Feliz

terça-feira, 22 de março de 2011

Precisava disso..

video
Propaganda Coca-cola Musica: Reasons to believe

Entao, ultimamente eu andava muito descrente da humanidade, postei varias vezes aqwui como o unico digno de sonfianca e amor ser DEus, mas ai entao vem a tal coca-cola  e faz uma propaganda linda.. e ainda dizem que o twitter nao seve pra nada, nao fosse todos estarem twittando sobre isso, eu nao teria assistido o video e nao estaria escrevendo sobre isso agora... Incrivel como tudo acontece como tem de acontecer... Eu sou apaixonada por propagandas inteligentes, emocionantes, engracadas, tanto qeu jah postei aqui aquela do dia das maes que achei linda tambem.. Entao, nao que a Coca precise de mais marketing, mas postarei o video aqui tbm e falarei que acabei de chegar a uma conclusao bem obvia e que ateh entao eu nunca tinha me dado conta.. Em genesis, DEus diz: "Facamos o homem a nossa imagem e semelhanca", entao por mais que varios se deixem corromper e sejam cada vez menos parecidos com Aquele que eh o unico modelo que deve ser seguido, a intencao da criacao do homem foi que nos fossemos parecidos com o Pai, entao existe sim esperanca para esse mundo, se todos nos encontrarmos a nossa essencia primeira, aquela que veio de DEus quando Ele soprou a vida em nos... Assistam a propaganda, quem nao assistiu, vale a pena, cada segundo...

segunda-feira, 21 de março de 2011

Sonhando acordada..


Ai, ai, romance, gente apaixonada, eh a vida... DEpois de um ano e pouco na vontade de assistir de novo ao filme Orgulho e Preconceito, hoje acabei vendo.. Essa eh a melhor cena de todas, Quando os dois fecham os olhs em sincronia e a luz do sol penetra a tela, como se fosse um holofote natural a destacar uma expressao tao linda de amor, diferente das cenas exploradas normalmente nos cinemas, nas quais apos declarar o amor os casais se unem numa danca frenetica de paixao, como se todo o amor desse  todo o seu espaco a desejos   reprimidos e nao vividos.. Nessa cena, nao... Lizzie e Mr. Darcy tem um encontro de alma, ou pelo menos eh isso que o filme transmite e o que falta nesse mundo.. Faltam pessoas que queiram tocar o coracao das outras, falta o amor demonstrado no olhar... Faltam historias de amor da literatura e aqueles que ainda acreditam nesse ficam a esperar...

Como diria a Carol, postzinho bem repe, mas o que eu posso fazer se assistir ao filme me deixouenvolvida numa onda de romantismo antigo...

domingo, 20 de março de 2011

Voltando...


Entao, decidi voltar a escrever todos os dias.. Engracado como as coisas acontecem na vida da gente, como as vezes so precisamos de um incentivo, ou uma virada na vida para mudar de ideia, para nos reinventarmos ou voltarmos a velhos habitos e sabe qual foi uma das coisas que me fez querer voltar... Ontem eu terminei de ler o livro do Rubem Alves "um mundo num grao de areia", que diga-se de passagem, superdica de leitura porque e uma coletânea de crônicas deliciosas  de ler e cheias de poesia, naquele estilo que eu adoro de usar as palavras, amo quando os escritores comparam as coisas da vida e utilizam metaforas como a luz do luar e gosto de sorvete, sabe, aquelas sensacoes da infancia.. enfim, coisa linda... E na ultima cronica do livro ele fala sobre a bagunca, amei a descricao dele pras coisas e nao querendo ser pretenciosa  a ponto de me comparar com o admiravel Rubem, mas me identifiquei demais com a forma como ele descreveu a mente dele e a razao da sua BAGUNCA, que eh o fato de milhares de coisas passarem na cabeca dele em um segundo e ele nao querer perder nada e ainda mais quando ele disse que quando ele era crianca ele se indignava porque todo mundo mandava ele parar de falar, quando ele precisava dizer tudo o que tinha na cabeca... Tbm passo por isso.. E eh o seguinte, to ai nessa vida pra falar e pra escrever, parei de me importar se alguem estah lendo ou escutando, farei como o Verissimo, voltarei a escrever pra mim, porque quando eu escrevo eu converso comigo mesma e realizo muitas coisas que estao as vezes perdidas em meio as muitas ideias que permeiam a minha mente... Ai, to me sentindo tao bem.. sei lah.. Gloria a DEus pela sensacao!!